Explicações que não justificam

Minha diferença de idade para irmã é de quase 7 anos. Assim, eu com 4 aninhos, pequenininha e esbelta como sempre fui tinha minha irmã com 11 anos, que todos pensavam que já tinha uns 15 porque era grandona, corpuda, talz.
Bem, eu nesta idade, em um dia muito enfezada (e corajosa) fui bater nela, dei na sua perna (onde eu obviamente alcançava), com toda minha força, a machuquei, claro, ela me segurou. Minha mãe deu maior bronca, chorei, sofri represália, mas obviamente minha irmã não revidou com toda sua força. Minha mãe também nem deixaria… se minha irmã desse uma tapa nas minhas pernas (ou em qualquer lugar) com toda sua força, como eu deu dei nela toda a força que eu tinha, por nossas proporções eu seguramente teria caído no chão com tudo e me quebrado toda.

Porém, se ela o tivesse feito, teria um argumento, uma explicação, teria uma causa, não teria? “ela me bateu, me xingou..”
Mas a explicação justificaria uma menina de 11 anos forte bater com toda sua força numa criança magrela de 4 anos?
E se a filha mais velha não se controlasse e fosse revidar, a mãe, vendo a cena, não interviria?

Pois é… Se eu fosse a Palestina, minha irmã mais velha Israel, penso que minha mãe deveria ser as Nações Unidas ou os outros países/comunidade internacional… deveria…  e seria uma boa metáfora para a situação. Pena que não seja a realidade.

E que por mais que os adepto10568935_744737952249340_4822926309012864411_ns ao governo de Israel expliquem, defendam, digam que o Hamas atacou primeiro, digam que eles usam a população como escudo, que é autodefesa…. para mim são mil explicações, explicações, explicações.. racionais, mas que não convencem… porque não justificam o que está acontecendo, não justificam 140 crianças mortas, não justificam o sacrifício de toda uma população deslocada, ferida por fora e e principalmente por dentro … mesmo que o governo deles seja o Hamas..

E cadê a força internacional? Vejo as postagens da ONU e de seus organismos e agencias, indignados com o que está acontecendo, com seus próprios funcionários sofrendo… negociações, mas que não tem força suficiente… como os pais que criaram os filhos cheios de vontades, mimos e achando que poderiam educá-los só quando eles crescessem…

Pois é…

DICA:
Bom lugar para se informar com informações ‘em tese’ oficiais é o site da ONU – Brasil, no link do especial Gaza : http://www.onu.org.br/especial/gaza/

Bom texto também no Leonardo Sakamoto:

http://blogdosakamoto.blogosfera.uol.com.br/

 

PS:
Por as atitudes oficiais do estado de Israel não podemos rotular toda população judaica e desenvolver um novo antissemitismo..
Também por as loucuras de grupos como Hamas, jihadistas.. também não podemos dizer que todo muçulmano é fundamentalista e louco…

Não é culpa do judaísmo. Não é culpa do Islamismo. Não é culpa do cristianismo.
É culpa da humanidade, ou da falta dela…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s